Resenha da Crespa: Serum Control Freak Bed Head


Quero informá-los que estou muito orgulhosa de minha pessoa. :o)
Fiz uma faxina para organizar a vida do blog que nem acreditei. \o/

Organizei todas as fotos, resenhas que vêm pela frente (atrasadíssimas), assuntos e tals.
Cheguei a conclusão que a minha mente funciona anos luz mais rápido que a minha atitude de sentar e escrever. Não por preguiça, hein? O problema é a dupla falta de tempo + bagunça nata.

Mas, porém, contudo, todavia, já estou organizando TUDO pra manter uma rotina decente de publicações. Não será diária porque não dá mesmo (infelizmente...).

Chega de zona, Silviommmmm???
Sim!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

E na faxina achei zilhões de resenhas, fotos do ano passado que não publiquei. Fico na ansiedade de publicar a nova-novidade mais recente que deixo o que estava pseudo planejado de lado.

Vamos nos retratar, Silviommmmm???
Sim!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

E nesse trê-lê-lê achei as fotos da resenha do Serum Control Freak Bed Head. Ele veio no lote que arrematei no Coquelux. Custou nessa feira 29 dinheirinhos, uma pechincha. O preço normal (senta aí): + do que 100 dinheirinhos.

Enfim, tem tempo que pensei em fazer a resenha. Usei até ele hoje para atualizar as impressões.

Bora conhecer:

Serum Control Freak Bed Head

O frasco tem 250 ml. Consistência gel com brilho, tem cheirinho cítrico leve, desliza suuuuper (mas não desembaraço na hora de pentear), nada grudento.


Com o produto

É bem leve, dá um peso bom ao cabelo enquanto está úmido.


Estágio crocante

Como todo gel deixa o cabelo mais domado. Só que essa sensação não dura o dia todo. 


Resultado

Diferente de muito gel por aí, ele não resseca, mas também não deixa o cabelo muito macio ao toque. Rola uma aspereza, mas de leve. Sai assim que lava com shampoo.

Testei alguns dias e hoje também só pra reforçar um achismo.

Ele não segura a definição por muito tempo se você ousar tocar no cabelo. Rola um frizz esquisito, que não deforma o cabelo como um todo, não fica feio, mas também não deixa aquela definição MARA.



Depois de um dia todo de #silviço

Fiz a foto acima depois de um dia todo com ele. A foto da esquerda, lá em cima, mexi no cabelo. Na foto da direita nem toquei. Só um pouquinho na frente porque não aguento cabelo no rosto. Mas o resto ficou definido, no estágio crocante.

Na mecha dá para ver bem o frizz em ação.

Em vermelho o que achei da função do produto relacionado a coluna rosa. 


Pelo precín que é normalmente, meu bem, dá não.
Eu, da linhagem pobre, já faço logo as contas. Com 100 paus??? Faço a festa! Dá pra comprar um monte! :o)))

Sério... invisto feliz no meu amado Curlesque, mas nesse aí, valeu não.
Tem produto caro que vale cada centavo. Mas tem outros...

É mais um exemplo de produto caro que não é lá essas coisas. Pelo menos no meu caso.

A validade dele agindo bonito dura pouco, como na foto do resultado. Depois de um tempo já fica esquisito. Achei que faltou brilho e definição.

De resto cumpre bem.

Beijos!



Compartilhe:

Sobre a Crespa

Claudia Montelage é cantora, botafoguense, libriana, sócia da Dois Versos e desde de 2012 pilota o blog "Eu Sou Crespa". Resenhas, tendências, transição, indicação de salões e profissionais, exemplos reais, aceitação e valorização do cabelo natural fazem parte dos temas abordados nesse espaço dedicado aos cabelos crespos e cacheados.!